A Arte de sermos Pais

“PATERNIDADE OU PARENTALIDADE é uma arte muito difícil.

É por isso que eu disse que, a menos que você esteja realmente qualificado para ser um pai, por favor, não se torne um pai!

Essa seria a sua maior contribuição para este planeta.

Em vez de levar adiante isso em sua vida que não é tão somente o estar sofrendo, mas você irá contribuir para o sofrimento mundial.

Então, toda esta Arte de educar uma criança começa antes da concepção.

Você tem que ser muito claro a si mesmo e seu cônjuge com a seguinte pergunta: que tipo de criança você quer? Como deve ser está criança?

Você deve ser muito claro a respeito disso e você deve fazer Sankalpas – intenções, para que a criança seja assim como você idealizou.

Isso deve gerar uma grande alma, ou o que você quiser, dependendo do condicionamento, sua cultura e seu sistema de crenças.

Você tem liberdade completa, dependendo apenas de que você faça Sankalpas antes da concepção.

O momento da concepção é muito, muito importante, portanto você deve aprender esta arte e então tudo o que acontece no ventre é extremamente importante.

Que tipo de pensamentos você tem, o seu marido tem, e em que fase da gravidez isto ou aquilo acontecem, o que você está fazendo, todas essas coisas são muito, muito importantes, porque toda a sua vida está sendo controlada por um programa.

Vocês são apenas computadores.

Você não percebe que vocês estão sendo computadores.

Os computadores normais tem um processamento linear e seus cérebros fazem processamentos paralelos, numa velocidade muito mais lenta.

Os computadores são muito mais rápidos e você é mais lento, mas a vantagem é; você faz o processamento paralelo e os computadores do dia fariam o processamento paralelo.

Eles transformam seres humanos conscientes.

Então, você não é nada, mas o computador que está sendo programado e o seu programa realmente, começam antes do nascimento.

Em seguida, o momento da concepção.

O que acontece no útero que, basicamente classificamos com o que são chamados de Quatro Cestas, será preponderante para determinar se você será bem sucedido ou um fracasso na vida, se você será próspero ou pobre, se você será saudável ou doente.

Tudo é mais ou menos determinado dentro desses nove meses ou oito meses, qualquer que seja o caso.

Então o momento do parto é muito, muito importante.

A medida que a criança nasce, quem a recebeu, a quem foi entregue, quem está assistindo este parto, se está ou não havendo comentários ao redor.

Suponha que no hospital em que você deu a luz esta criança nasceu muito escura, negra, e o médico particular não gosta de pessoas de cor escura.

Ele poderia pensar interiormente:

– “Oh, que criança escura essa que nasceu”.

A criança registra isso.

Lembre-se, até as primeiras 6 horas, não é uma criança, é um adulto crescido integral em um corpo de criança! E pensa e sente como um adulto e registra tudo como um adulto.

Ele grava o que está ocorrendo e permanece até que a criança cresça e morra.

A criança pode chegar aos120 anos; até este momento, tudo estará lá.

Assim como a criança foi recebida é muito importante e as primeiras seis horas também.

Nas primeiras seis horas, se a criança foi tocada ou não, coisas boas terem sido faladas para a criança ou não, todas essas questões.

Então nós teremos processos separados para aqueles de vocês que estiverem interessados.

Vamos te ajudar com isso, por isso as primeiras seis horas, em seguida, as primeiras seis semanas, seis meses, seis anos.

Aí o programa fecha. Isso é chamado de programação primária ou programação mais fundamental.

Aqui está o segredo de sua vida, de sua longevidade, com quem você vai se casar, que tipo de vida você vai ter, se vai ter uma vida intensa ou uma vida medíocre, ou uma vida aventureira, uma grande vida ou uma vida normal. Tudo é determinado aqui.

Em seguida, entre 6 -12 ou 14 anos é instalada a programação secundária onde você vai colocar alguns valores na criança.

Você vai condicionar a criança como um hindu ou muçulmano ou um cristão, ou um indiano ou um paquistanês todo esse tipo de condicionamento cultural e, em seguida, entre 14 até a hora de sua morte, você estará aprendendo e captando.

A programação principal é a mais poderosa, é a que fica; a programação terciária, não é tão poderosa.

Estas três juntas é que controlarão a sua vida.

Agora, se você quiser ter uma verdadeira mudança em sua vida, você deve temperar a programação principal, a secundária e a terciária. São tranquilas e fáceis de manusear.

Agora, para corrigir sua própria programação, a melhor ferramenta que você tem é a Integridade Interior.

Se você usar isso, você irá definir o seu próprio direito de programação.

Portanto, antes de falar sobre seu filho, você deve definir o seu próprio direito de programação como uma mãe muito amorosa como uma mãe muito amável como um certo tipo de mãe …

Como? Usando a ferramenta da Integridade Interior.

Uma vez que você a usar, você vai saber quem você é.

E então você vai saber quem é o seu filho.

Se você não sabe quem você é você não vai saber quem é o seu filho e se você não sabe quem é você, você não será capaz de aceitar a si mesmo.

Se você não pode aceitar a si mesmo, você não poderá aceitar o seu filho.

Bem, você acha que você aceita, mas você realmente não aceita. Isto é o problema com você e seu filho.

Se você aceita a si mesmo, você vai amar a si mesmo, se você ama a si mesmo, você vai amar o seu filho.

Depois de ter descoberto o amor para com seu filho, você vai começar a se dar à criança, seja qual for o programa da criança, e o programa vai ser corrigido.

A criança irá mudar e você vai ter um filho maravilhoso.

Então você tem que começar consigo mesmo.”

– Sri Bhagavan

Facebook
Facebooktwittergoogle_pluspinteresttumblrmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.